RIP. Nota triste de fim de dia. Morre Thomaz Farkas. A fotografia brasileira fica de luto.

Deixo aqui o registro. fiquei triste de ler essa notícia. Trabalhei com o Thomaz na Galeria Fotoptica e na Revista Novidades Fotoptica, uma revista de fotos dos anos 80 sempre à frente de seu tempo e onde pude conhecer os mais geniais fotógrafos de todas as gerações.

Se me lembro bem, sua esposa chama Marli. Uma Marli viúva, pois.

DO UOL

Morre aos 86 anos o fotógrafo Thomaz Farkas

DE SÃO PAULO

O fotógrafo Thomaz Farkas morreu nesta sexta-feira (25), aos 86 anos, de falência múltipla de órgãos.

Ele ficou 21 dias internado no hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, e teve alta na manhã de hoje. Morreu às 18h em sua casa.

Nascido em Budapeste, Hungria, Farkas se mudou para o Brasil nos anos 1930.

O seu pai foi um dos fundadores da rede Fotoptica, que iniciou a venda de equipamentos fotográficos no país. Farkas assumiu a direção da empresa após a morte do pai, nos anos 60, e ficou à frente da empresa até 1997.

Farkas teve grande destaque, entretanto, no cenário artístico nacional, como fotógrafo, professor, diretor e produtor de cinema.

Ao lado de Geraldo de Barros (1923-1998) e German Lorca, ele participou do Foto Cine Clube Bandeirantes, grupo que retratou a urbanização do país na década de 50 e que se destacou pelas imagens construtivistas.

Entre 1964 e 1972, ele realizou um projeto conhecido como Caravana Farkas, uma série de documentários sobre a cultura popular no interior do Brasil. Participaram do proejto Eduardo Escorel, Maurice Capovilla, Geraldo Sarno, entre outros.

  João Sal – 13.nov.2006/Folhapress  
Thomas Farkas
O fotógrafo Thomaz Farkas, que morreu aos 86 anos de falência múltipla de órgãos, em São Paulo, nesta sexta

Uma exposição retrospectiva de Farkas está em cartaz no Instituto Moreira Salles (rua Piauí, 844, São Paulo), com cerca de cem imagens realizadas pelo fotógrafo entre as décadas de 1940 e 1970. A entrada é gratuita.

Um comentário sobre “RIP. Nota triste de fim de dia. Morre Thomaz Farkas. A fotografia brasileira fica de luto.

  1. terezinha silva 26 de março de 2011 / 15:09

    FIQUEI MUITO TRISTE COM SEU FALECIMENTO ,TRABALHEI POR 12 ANOS COM FAMILIA EM SUA EMPRESA. MEUS PROFUNDOS SENTIMENTOS A TODOS

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.