HOJE EU TÔ POR AÍ. MAS DE OLHO AQUI, EM EDIÇÃO EXTRAORDINÁRIA

Dia da mentira

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

Há muitas explicações para o 1 de abril ter se transformado no dia das mentiras ou dia dos bobos. Uma delas diz que a brincadeira surgiu na França. Desde o começo do século XVI, o Ano Novo era festejado no dia 25 de março, data que marcava a chegada da primavera. As festas duravam uma semana e terminavam no dia 1 de abril.

Em 1564, depois da adoção do calendário gregoriano, o rei Carlos IX de França determinou que o ano novo seria comemorado no dia 1 de janeiro. Alguns franceses resistiram à mudança e continuaram a seguir o calendário antigo, pelo qual o ano iniciaria em 1 de abril. Gozadores passaram então a ridicularizá-los, a enviar presentes esquisitos e convites para festas que não existiam. Essas brincadeiras ficaram conhecidas como plaisanteries.

Em países de língua inglesa o dia da mentira costuma ser conhecido como April Fool’s Day, “Dia dos Tolos [de Abril]”; na Itália e na França ele é chamado respectivamente pesce d’aprile e poisson d’avril, literalmente “peixe de abril”.

No Brasil, o primeiro de abril começou a ser difundido em Minas Gerais, onde circulou A Mentira, um periódico de vida efêmera, lançado em 1º de abril de 1848, com a notícia do falecimento de Dom Pedro, desmentida no dia seguinte. A Mentira saiu pela última vez em 14 de setembro de 1849, convocando todos os credores para um acerto de contas no dia 1º de abril do ano seguinte, dando como referência um local inexistente.

Um comentário sobre “HOJE EU TÔ POR AÍ. MAS DE OLHO AQUI, EM EDIÇÃO EXTRAORDINÁRIA

  1. Cris Azevedo 1 de abril de 2011 / 11:59

    marly, vc nos ajuda a divulgar?

    Cidadãos querem evitar prescrição do ‘Mensalão’
    Grupo pede que todos enviem telegrama a Ministro do Supremo no dia 04 de abril.

    Ministro Barbosa

    O grupo Por Um Brasil Melhor está encabeçando uma campanha contra a impunidade, para tentarmos evitar a prescrição do processo do “Mensalão”, através de uma “Passeata de Telegramas” que irá diretamente para a mesa do ministro-relator do processo, Joaquim Barbosa!

    A idéia é mobilizar o maior número de pessoas que pudermos para que enviem um telegrama, no dia 04 de abril para que o ministro os receba todos de uma única vez!

    Esse é o impacto que esperamos causar… Todos de uma vez, numa enxurrada cívica!

    Esse telegrama pode ser mandado via online (endereço abaixo), via telefone ou mesmo pela agência dos Correios mais próxima de sua casa (nesse último caso, enviá-lo no dia 02/04).

    O texto do telegrama fica a critério de cada um!

    Por favor, ajudem-nos a divulgar essa mensagem, engajem-se nesse movimento, e repassem a mensagem para todos de sua lista! Não esqueçam de enviar o seu também! Isso é muito importante para todos nós! Basta de impunidade! Vamos à luta!

    COMO PARTICIPAR

    No dia 3 de abril, vamos enviar um telegrama para:

    Ministro Joaquim Barbosa

    Supremo Tribunal Federal

    Praça dos Três Poderes

    70175-900

    O telegrama pode ser enviado online, para tanto, utilize o link: http://shopping.correios.com.br/wbm/store/script/wbm2400902p01.aspx?cd_company=ErZW8Dm9i54=&cd_department=p5TkKhm55lU=

    Essa é uma chance de mostrar que não aceitamos as espertezas de nossos políticos.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.