Onde anda o velho Mc Donald`s? Baratas em todo o país. Essa é gaúcha.

Equipe da Guaíba flagra barata em lanchonete no Centro da Capital

Franquia do McDonalds já havia sido interditada, em fevereiro, devido à infestação

No começo da tarde desta quarta-feira, duas produtoras do departamento de jornalismo da Rádio Guaíba flagraram uma barata entre os restos de comida em uma das mesas da franquia do McDonalds, no shopping Rua da Praia, no Centro da cidade. O caso ocorre quase dois meses depois de o estabelecimento ser interditado e dedetizado. A reportagem entrou em contato com a Vigilância Sanitária da Capital, que orientou as jornalistas a fazer o registro da ocorrência pelo telefone 156.

De acordo com a assessoria do órgão, uma nova vistoria só pode ser agendada depois de uma denúncia formal. Uma das produtoras entrou em contato pelo 156, onde a atendente lhe informou que apenas a Vigilância pode receber a denúncia. Ela ligou, então, para o número fornecido – 3289.2441 – e ficou sabendo que é preciso mandar um email ou comparecer pessoalmente à sede do órgão para fazer o registro. A partir daí, o prazo para a análise do caso e a possível vistoria é de sete a 15 dias. A assessoria responsável pela rede McDonalds no Estado ainda não se pronunciou sobre o ocorrido.

No dia 16 de fevereiro a lanchonete foi interditada, quando uma vistoria da Vigilância Sanitária Municipal comprovou a presença dos insetos. Dois dias depois, a lanchonete foi liberada.
 

 

Fonte: Camila Kila/Rádio Guaíba

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.