o pessoal do Irã que chegou aí é quase um…Maluf. Interpol os ama.

Lixo monitorado

 O lixo atômico do Irã, Mahmoud Ahmadinejad, escolheu a dedo sua comitiva para a Rio+20: pelo menos um atual e cinco ex-assessores diretos dele têm mandados de prisão da Interpol, por conexão com o atentado a bomba que há 18 anos matou 85 pessoas em Buenos Aires.
 
Fonte: coluna Claudio Humberto

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.