Parem de massacrar jornalistas. Nós continuaremos denunciando. Nota ABRAJI sobre agressão em Brasília

graphics-journalist-335913gifjornaleirogifjornaleiroAbraji repudia repressão de Polícia Legislativa a repórter fotográfico

 Abraji repudia as agressões e a detenção do fotojornalista Lula Marques, ocorridas na última quarta-feira (25.nov.2015) no Senado Federal. Marques estava na galeria do segundo andar para registrar a votação sobre a prisão do senador Delcídio do Amaral (PT-MS) quando uma funcionária terceirizada do Senado o abordou e perguntou seu nome.

Argumentando que já havia mostrado a credencial de imprensa na entrada, Marques recusou-se a responder. Pouco depois, seguranças do Senado deram voz de prisão ao repórter fotográfico, sem informar o motivo. “Recusei-me a ir sem saber por que estava sendo preso”, relata Marques.

Os agentes atingiram o profissional com chutes e o derrubaram no chão antes de retirá-lo à força do local, aplicando-lhe uma chave de braço. Cercados por outros jornalistas, os policiais legislativos alegaram que o detinham por “desacato a terceirizado” (vídeo). Marques ficou detido na delegacia do Senado por três horas e não pôde fazer a cobertura da votação no plenário.

A Abraji manifesta solidariedade a Lula Marques, que cobre o Congresso há mais de 30 anos e jamais esteve envolvido em qualquer situação do tipo. É lamentável que o Senado use seu aparato de segurança interna para atentar contra a liberdade de imprensa, um dos pilares da democracia — a mesma sob a qual a Casa se rege.
Diretoria da Abraji, 27 de novembro de 2015.

fotografo investigativo

http://www.abraji.org.br/?id=90&id_noticia=3293

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s