#ADEHOJE – BOLSONARO CAI MAIS NA PESQUISA E NA CONSIDERAÇÃO INTERNACIONAL

#ADEHOJE – BOLSONARO CAI MAIS NA PESQUISA E NA CONSIDERAÇÃO INTERNACIONAL

 

SÓ UM MINUTO – O presidente Jair Bolsonaro deve estar muito descompensado, para não dizer outra coisa, mais ainda depois da prisão do sargento com 39 quilos de cocaína no avião da comitiva presidencial. No Japão, respondeu grosseiro à primeira-ministra da Alemanha, Angela Merkel, que havia criticado a defesa que o Brasil faz da Amazônia. O presidente da França, Emmanuel Macron já avisou que não assinará nenhum acordo comercial com o Brasil caso o presidente Jair Bolsonaro saia do acordo climático de Paris, ameaçando colocar em risco os trabalhos de negociações comerciais entre União Europeia e Mercosul. Vamos vr o que o homem que nos desgoverna vai responder a isso. Vocês lembram quando a Dilma tentou ensinar economia para a Alemanha? É cada presidente que a gente tem suportado!

Para completar o mau humor do homem, hoje o Ibope divulgou pesquisa feita a pedido da CNI. Resultado? Claro! Caiu mais ainda aprovação ao governo, foi pra 32%, a mais baixa desde a posse. Agora, olha só, nessa pesquisa, o registro de ruim/péssimo subiu cinco pontos: 27% para 32%…

Também, é TODO DIA – TODO DIA têm acontecimentos lamentáveis. Ê, tosqueira!

 

Recebi esse aviso de pauta agora. Do pequenino Manoel Dias que tem de avisar que estará lá, para ser visto…

animated_gif_flowers_images_glitter_57AVISO DE PAUTA – Visita Angela Merkel

Brasília, 19/08/2015 – O ministro do Trabalho e Emprego, Manoel Dias, participa nesta quarta-feira (19), às 20:30h, no Palácio da Alvorada, de jantar de trabalho oferecido pela presidenta Dilma Rousseff à chanceler alemã Angela Merkel.

Serviço: Jantar de trabalho oferecido pela presidenta Dilma Rousseff à chanceler alemã Angela Merkel.
Data: 19 de agosto de 2015.
Horário: 20h30.
Local: Palácio da Alvorada (Via Palácio Presidencial, Brasília – DF, 70150-000)

Dilma e Merkel não se bicam mesmo?

dynaGrosseria

O governo brasileiro ainda não cumprimentou a chanceler Angela Merkel pela conquista histórica de um terceiro mandato na Alemanha.

FONTE: COLUNA CLAUDIO HUMBERTO – DIÁRIO DO PODER