Já vimos esse filme com a Monica Velloso e outras. A gostosa do Senado, demitida de lá, volta por cima. E de lado, por trás, pela frente…

Revista disputada

Disputada no Congresso

A Playboy de Denise Rocha ainda nem chegou a Brasília, mas na banca de revistas do Congresso já é disputada no tapa por assessores e, sigilosamente, parlamentares. A vendedora da banca que fica na entrada da chapelaria do Congresso, por onde entram os senadores e deputados, perdeu a conta, ontem, de quantos telefonemas atendeu de assessores em busca da Playboy de Denise.

A moça conta que alguns clientes tentaram pagar antecipadamente pelo exemplar ou colocar o nome em uma lista de espera. Como não conseguiram, alguns “fãs” do furacão da CPI chegaram a reclamar. Ela conta que a banca recebe sempre três exemplares da revista e que agora, diante da procura, terá seis exemplares, o que será ainda muito pouco perto da comoção do parlamento com a moça:

– Vai ser uma confusão danada quando a revista chegar!

FONTE: COLUNA RADAR – VEJA ONLINE – Por Lauro Jardim

A gostosa do Senado, o furacão da CPI, a assessora do senador…Mais uma foto da moça que ganhou um monte de “cincominutos” de fama. capa da Playboy de setembro. Olha aí.

Furacão da CPI na PLAYBOY

Com ensaio da ex-assessora parlamentar Denise Rocha, a edição de setembro revela o momento mais quente da CPI do Cachoeira

( FONTE: ASSESSORIA DE IMPRENSA DA REVISTA PLAYBOY)

 Em plena “CPI do Cachoeira”, a assessora parlamentar Denise Rocha causou comoção em Brasília ao ter, divulgado na internet, um vídeo em que aparecia em cenas explícitas com o namorado. O vazamento fez com que Denise fosse exonerada do gabinete do senador Ciro Nogueira (PP/PI) e ganhasse o apelido de “Furacão da CPI”. Nas páginas da PLAYBOY Denise apresenta todo o seu poder devastador em um ensaio assinado pelo mestre da fotografia J.R. Duran. “O ensaio é bem mais elegante [do que o vídeo]. Além disso, vão me ver de uma forma mais atualizada, porque aquela gravação foi feita há seis anos”, afirmou Denise, que posou de algemas e roupas de couro.

E, como na PLAYBOY os furacões sempre vêm acompanhados, a edição de setembro traz ainda a nudez da dançarina burlesca Katrina Darling, prima de Kate Middleton, esposa do príncipe Harry e Duquesa de Cambridge. Também com a temática fetichista, Katrina mostra como conseguiu a realeza da Inglaterra.

Outro fenômeno que passou nas páginas da revista foi a VJ da MTV Titi Müller. Apenas de lingerie, mas não menos ousada, a bem humorada apresentadora do MTV Sem Vergonha posou para abertura da seção Happy Hour e garantiu: “Transo como qualquer menina de 25 anos. Não sou a louca do anal giratório; nem, uma santa: sou normal”.

PLAYBOY traz ainda o lutador Anderson Silva na entrevista principal. Muito à vontade, o campão do UFC disse, entre outras revelações, que brincava de bonecas até os 14 anos, que sua irmã sofreu discriminação racial na infância e que todo mundo acha que ele é gay. 

Já para responder as indiscretas perguntas da seção 20P, outro campeão foi convocado: Arthur Zanetti. Além de comentar sobre o polêmico vídeo em que supostamente aparece se masturbando, o primeiro campeão olímpico da história da ginástica artística brasileira dá dicas de como guardar uma medalha de ouro em casa e discorre sobre sexo durante os jogos olímpicos.

Brindando 80 anos de vida, Ziraldo mostra toda sua maestria ao desenhar as curvas femininas em uma galeria de desenhos inéditos para a PLAYBOY. O colaborador de longa data da revista antecipou o que pretende mostrar na grande exposição de sua obra.

Ainda em ritmo de festa, às vésperas do lançamento do 23º filme de James Bond, PLAYBOY celebra os 50 anos da franquia cinematográfica com uma seleção das melhores máquinas dirigidas pelo agente secreto mais conhecido do planeta.

Do g1: capa da Playboy de setembro traz a moça sacaneada e demitida. Boa volta por cima! Olha a capa

‘Playboy’ divulga capa com ex-assessora parlamentar

Denise Rocha será capa da revista ‘Playboy’ em setembro.
Ela foi exonerada do Senado após divulgação de vídeo com cenas de sexo.

 Do G1 SP
//
'Playboy' divulga capa com ex-assessora parlamentar (Foto: Reprodução)‘Playboy’ divulga capa com ex-assessora parlamentar (Foto: Reprodução)
saiba mais

A revista “Playboy” divulgou, nesta segunda-feira (27), a capa da sua edição de setembro. Ela traz uma foto da advogada Denise Leitão Rocha, ex-assessora parlamentar no Senado, que foi fotografada por JR Duran.

Nesta manhã, havia sido divulgada umas das fotos que chegou a ser cogitada para estampar a primeira página da públicação. A imagem havia sido veiculada no sábado na revista “Veja”.

Denise Rocha em imagem de divulgação do ensaio para revista masculina (Foto: Divulga/Playboy)Imagem divulgada nesta manhã; foto foi cogitada
para capa (Foto: JR Duran/Divulgação/Playboy)

Denise foi exonerada do cargo de assessora após a divulgação de um vídeo no qual ela aparece em cenas de sexo. O vídeo foi visto em notebooks de parlamentares durante uma das sessões da CPI do Cachoeira. Denise era assessora do senador Ciro Nogueira (PP-PI), membro da comissão.

Na quinta-feira (23), outra imagem, dessa vez da advogada de roupão, se preparando para o posar para as fotos, havia sido divulgada no Facebook da publicação.

Em entrevista ao G1 na terça-feira (21), a advogada afirmou que o ensaio fotográfico foi feito em São Paulo. Ela não quis comentar o valor que recebeu pelas fotos, mas disse que estava precisando do dinheiro. “Eu fiz por necessidade. Tenho de pagar advogados, peritos, pagar minhas contas”, afirmou.

Denise Rocha em imagem de divulgação do ensaio para revista masculina (Foto: Reprodução/Facebook)Denise veste roupão antes de ensaio
(Foto: Reprodução/Facebook)

“O ensaio teve relação com a CPI. Eles [parlamentares] ficaram vendo meu vídeo na CPI. Pelo menos agora eles vão me ver de uma forma mais bonita. E espero que seja fora das dependências do Senado. Lá [Senado], eles estão para trabalhar”, disse Denise Rocha.

Ela foi exonerada do cargo no gabinete do senador Ciro Nogueira no começo deste mês. Desde então, afirma, está desempregada.  “O dinheiro [da revista] não paga meu estresse. Eu não vou desistir de provar judicialmente toda a injustiça que fizeram comigo”, afirmou.

Denise Leitão, assessora de vídeo de sexo exonerada  (Foto: G1 Brasilia)Denise Leitão, assessora de vídeo de sexo
exonerada (Foto: G1)

A advogada deu queixa na Delegacia da Mulher, e a Polícia Civil do Distrito Federal investiga quem foi o autor do vazamento do vídeo. Segundo a polícia, o homem que aparece com ela nas imagens foi ouvido e negou ter sido o responsável pelo vazamento.

Perfil no Twitter
A advogada criou, há cerca de dez dias, um perfil oficial no Twitter para a divulgação de sua agenda. Há uma semana, porém, um perfil falso foi criado e tem confundido admiradores de Denise. Procurado pelo G1, o assessor de imprensa da ex-assessora afirmou que advogados foram acionados para pedir a retirada do perfil do ar.

Lauro Jardim diz que “a gostosa do Senado” vai falar falar com o ex-chefe. Hoje foi demitida oficialmente, ou “exonerada”. Vai chover emprego?

Depois de ser exonerada, assessora flagrada em vídeo de sexo vai voltar ao Senado – veja o que ela vai fazer

De volta ao Senado para acertar as contas

Os integrantes da CPI mista do Cachoeira retornam ao trabalho nesta semana e quem aparecerá no Senado amanhã será Denise Rocha, a assessora do senador Ciro Nogueira que tanto furor provocou com seu vídeo íntimo vazado no Congresso.

Antes que algum deputado ou senador fique mais animado, Denise não deve dar o ar da graça no plenário da CPI. Ela vai apenas tratar de sua situação profissional no gabinete de Ciro. O senador exonerou a moça na semana passada, mas a demissão de Denise só foi oficializada hoje pelo Senado.

FONTE: RADAR – VEJA ONLINE – Por Lauro Jardim

Como anda o caso da assessora que sacudiu o Congresso, a CPI …

Observação: estou impressionada com o número de internautas que procura saber desse caso escrevendo:

“o caso da  acessora gostosa”

socorro…!!!!

Medicamentos para dormir

Denise recebe a OAB

Depois de levar à polícia o caso do vazamento de um vídeo íntimo, a assessora parlamentar Denise Rocha pretende utilizar o episódio para engrossar o coro no Congresso pela aprovação de projetos de lei que tornem mais rigorosas as penas para os chamados crimes virtuais.

Deputados e senadores solidários a Denise (e não faltam parlamentares nesta condição…) já teriam manifestado interesse em agilizar a tramitação das matérias.

Denise ainda recorre a medicamentos para dormir e tem evitado sair de casa porque os jornalistas já descobriram seu endereço em Brasília.

Apesar de admitir ter recebido convites de ensaios para revistas masculinas, ela diz que sua prioridade no momento é identificar o autor do vazamento do vídeo.

Denise contratou a advogada Mariana Melucci  para cuidar do caso. A defensora diz que já disponibilizou à Polícia Civil do Distrito Federal o computador de Denise e aguarda a conclusão preliminar das investigações para decidir que testemunhas convocar.

Em depoimento, o companheiro de Denise no vídeo negou a autoria do vazamento. A polícia já ouviu até agora três envolvidos no caso.

FONTE: COLUNA rADAR – VEJA -Por Lauro Jardim

Tinha esquecido de trazeras fotos da assessora gostosa e a história esquisita que ajuda a desviar a CPI. Do Jornal Extra.

Não estou para palhaçada. Vou entrar na Justiça’ , promete o furacão da CPI

Este slideshow necessita de JavaScript.

Guilherme Amado

A assessora parlamentar Denise Leitão Rocha, funcionária do gabinete do senador Ciro Nogueira (PP-PI), decidiu entrar de férias para evitar a polêmica em torno de um vídeo recheado de cenas picantes que vazou no Congresso e a teria como protagonista. Denise estava sempre presente na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) do Cachoeira, já que Ciro Nogueira é membro da comissão. Ontem, ela afirmou ao EXTRA que estuda uma forma de entrar na Justiça contra o autor do vazamento, mas não soube informar quem seria a pessoa.

— Não sei o que é esse vídeo. Não vi. Estou tomando medidas judiciais. É o meu trabalho — justificou.

Denise Rocha Foto: Reprodução

Loura, bonita, dona de uma muitíssimo bem localizada tatuagem de fênix, Denise Leitão Rocha é o assunto do Congresso há uma semana, desde que o tórrido vídeo vazou misteriosamente, e passou por nove entre dez celulares e tablets do Senado Federal. Diante da polêmica em torno de seu nome, Denise saiu de férias e é tema proibido entre seus colegas.

— Eu trabalhei muito pouco com ela. Nossos horários eram diferentes, mal nos falávamos — saiu pela tangente um colega.

— Parece que ela saiu de férias — respondeu outro.

 

— Saiu mesmo de férias. Deve voltar só no mês que vem. Não éramos próximos — esquivou-se um terceiro, também sob anonimato, a exemplo dos outros.

Sem bater ponto

De acordo com seus colegas, Denise mal parava no gabinete. Por ser contratada por regime especial de frequência, ela não é obrigada a bater ponto por lá. Nenhum deles soube explicar quais eram suas funções no Parlamento.

— Eu estou ali para advogar, não estou para palhaçada — defendeu Denise, que tem registro na seccional do Distrito Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB).

 FONTE: http://extra.globo.com/noticias/brasil/nao-estou-para-palhacada-vou-entrar-na-justica-promete-furacao-da-cpi-5506231.html#ixzz210PPgIMr