Leia, para não ser enganado. Pode ser falso. E aumenta duas vezes. O que é o que é?

O recheio das popozudas

3d_animasi_woman_bikini_animatA Duloren comemora: durante o mês de março vendeu nada menos do que 100 mil calcinhas com enchimento.

O recheio costurado aumenta em até duas vezes o tamanho do bumbum.

NOTA DA COLUNA AZIZ AHMED – JORNAL O POVO/RJ

Momento foto engraçada: arreganhada na vitrine da loja chique. Com calcinha. Dá para entender?

FOTOGRAFEI.

ESSA É A VITRINE DA AMERICAN APAREL, NA RUA OSCAR FREIRE, SP, SP

NUNCA VI BOTAR CALCINHA NUMA MANEQUIM E FOTOGRAFÁ-LA DE PERNAS ABERTAS, ESCRACHADA. VEJAM QUE COISA ESQUISITA QUE FICOU. E A SOMBRINHA?

20140413_13330620140413_133325

NOVAS CINDERELAS PERDEM CALCINHAS NO PLENÁRIO DA CÂMARA. PROCURA-SE PROPRIETÁRIO. OU PROPRIETÁRIA.

Procura-se dono de uma calcinha encontrada no plenário da Câmara

Peça íntima – azul e vermelha – caiu de bolso de deputado que foi votar

Maria Lima

fonte: O GLOBO

BRASÍLIA – Há duas semanas um mistério ronda a segurança da Câmara dos Deputados e preocupa um deputado saliente. Por volta das 17h, no horário da Ordem do Dia, esse deputado chegou correndo para votar, e na entrada principal do plenário, próxima à Mesa, mexeu nos bolsos e sem ver, deixou cair a prova do crime: uma calcinha – mais para calçola – azul e vermelha, com babadinhos nas laterais.

Sem saber que deixara para trás o fetiche, o parlamentar foi para o meio do plenário. Um dos seguranças, vendo a calcinha estendida na entrada do plenário, sem despertar a atenção dos parlamentares, assessores e jornalistas que se amontoam na entrada, deu um chutinho discreto, empurrando a lingerie para o lado da lixeira.

Avisado pelos seguranças, um assessor do presidente Marco Maia (PT-RS) recolheu a calcinha e a escondeu no bolso. A partir daí, a peça íntima foi examinada por assessores, jornalistas e seguranças à exaustão. A única conclusão: a peça foi usada antes e não pertence a uma sílfide.

Sem saber o que fazer com o achado, a calcinha foi recolhida “aos achados e perdidos” da Segurança da Câmara. Até agora não foi reclamada por nenhum parlamentar.

E NOSSA HOMENAGEM ESPECIAL DE SEMPRE: