#ADEHOJE – O BRAVATEIRO FAZ O BRASIL MENOR

#ADEHOJE – O BRAVATEIRO FAZ O BRASIL MENOR

SÓ UM MINUTO – O presidente Jair Bolsonaro virou foi um bravateiro barato. Quer dizer, barato, pela ignorância de seus comentários absurdos, declarações irresponsáveis e ações absolutamente despropositadas. Porque está saindo muito caro para a população, para o país com a imagem manchada – e até ridicularizada – em um mundo globalizado. Aí, quem ainda defende essa forma de governo vem falar de economia. Mas agora estamos até em risco eminente de entrarmos em recessão técnica – como se já não estivéssemos sentindo. Como a economia do país teve queda de 0,2% no primeiro trimestre deste ano, caso o resultado negativo se confirme – e parece que é o que vai ocorrer – no Produto Interno Bruto (PIB) que será divulgado no dia 29 de agosto — o Brasil entrará em uma “recessão técnica”, que é quando há resultado negativo por dois trimestres seguidos.

Que meses, que dias vivemos! No fim de semana chamou repórteres de urubus, andou irregularmente mais uma vez, com jet-ski falou mais bobagens sobre opções sexuais e ainda desafia a justiça no caso dos radares e equipamentos de controle de velocidade, que salvam vidas. Fora querer o filho como embaixador. Ah, e ainda disse que “quem precisa da Alemanha?”

Resistência? Oposição, como sempre, patinando, correndo atrás do próprio rabo.

 

Resultado de imagem para recessão técnica

#ADEHOJE – AS PEDRAS SE MOVEM NO TABULEIRO

#ADEHOJE – AS PEDRAS SE MOVEM NO TABULEIRO

 

SÓ UM MINUTO – Bolsonaro quer que o COAF – Conselho de Atividades Financeiras – volte ao Banco Central. Talvez enciumado, o presidente tira das mãos de Moro cada vez mais poder, e lhe dá menos importância, especialmente em uma semana na qual Moro sofreu derrotas em várias áreas, no Pacote do Crime, nas gravações interceptadas reveladas, na história de mudar Lula de cadeia. Mas Moro se mantém ainda com aprovação maior do que a do presidente. E a Lava jato balança, mas não cai. Treme, mas continua.

Aliás, fora ela, há uma operação em andamento muito interessante, atrás do cerne do poder do PCC: o dinheiro, as movimentações financeiras e o tráfico de drogas. Parece que está indo bem, inclusive porque não estamos vendo – graças – a reação dos criminosos, como houve anos atrás, inesquecível, nas rus de são Paulo, e que deixaram mais de uma centena de mortes, inclusive inocentes, atingidos nas ruas. O pavor.

E está andando a ridícula indicação de Eduardo Bolsonaro para embaixador em Washington, e nessa estrada um monte de cargos e liberação de verbas…EUA aceitaram. Era o que nos faltava.

#ADEHOJE – CAFÉ COM BOLSONARO: MESMICES E SANDICES

#ADEHOJE – CAFÉ COM BOLSONARO: MESMICES E SANDICES

SÓ UM MINUTO – Mais um café da manhã do presidente com os jornalistas e mais uma coleta de ar. Bolsonaro tentou justificar suas falas sobre a classe política, e disse também que não vê nada de mais em crianças usarem armas ao lado de seus pais…Mas está tentando fazer o bonzinho nesse período pré-manifestação marcada para o próximo domingo, que seria de apoio a ele, mas que está juntando tudo quanto é traste e palavras de ordem.

Moro engole seco mais uma vez. Perdeu o Coaf – que volta de novo ao Ministério da Economia. O Coaf é o Conselho de controle de atividades financeiras, que ajuda muito em investigações de corrupção, mas que os políticos não querem ver na mão do justiceiro Moro. Em compensação os auditores fiscais ganharam a queda de braço – vão continuar podendo fazer as investigações.

#ADEHOJE, #ADODIA – ESPERANDO SENTADOS (EXPLICAÇÕES)

#ADEHOJE, #ADODIA – ESPERANDO SENTADOS (EXPLICAÇÕES)

Puxe a cadeira, e venha sentar aqui comigo para esperarmos juntos as explicações. João de Deus, não vai falar nada? Como é que vamos ficar, nesse caso de denúncias sérias de assédio sexual, inclusive contra menores? Bolsonaro, percebe que a coisa está se enrolando e que aguardamos as explicações dessa dinheirama toda para lá e para cá no gabinete do Flávio, seu filho, e que passa pela conta da sua mulher, e vai e vem? E um monte de gente que sai e é contratada – e umas explicações bananosas. Mais Médicos: como será resolvida a inserção em locais distantes, onde estão os que mais necessitam? Intervenção total em Roraima. O mundo em polvorosa. Vamos continuar aguardando. Senta aqui.

#ADEHOJE, #ADODIA – JOÃO, JOÃO. ATÉ VOCÊ, JOÃO DE DEUS! Animações desse final de ano

#ADEHOJE, #ADODIA – JOÃO, JOÃO. ATÉ VOCÊ, JOÃO DE DEUS! Animações desse final de ano

O horror. A clareza e firmeza das declarações das mulheres que denunciam ter sido abusadas sexualmente pelo médium João de Deus, em Abadiânia, Goiás, apresentadas pelo programa do Bial na noite desta última sexta-feira fizeram com que acordássemos hoje ainda mais sobressaltados e incrédulos. Há também um surto de tosse na turma do novo governo que ainda nem tomou posse e já está em ebulição. Coaf, Coaf, Coaf! O assessor de Flávio Bolsonaro que andou ganhando bem bem e distribuindo por aí dinheirinho, para a família dele – que ele pôs para render – e para a de Bolsonaro – Dona Michele levou 24 mil vai render muito pano para manga. E para a gente costurar um saco para enfiar na cabeça, de vergonha de tudo isso. Ah, França em chamas! Continua quente o Arco do Triunfo. Quem ganhará? Intervenção total em Roraima. Seis reféns mortos no Ceará em ação estabanada. Animado fim de ano.

UÉ. Agora que o dinheirinho vai precisar tomar banho…

Dinheiro malcheiroso

Coaf tem que ser informado quando cédula estiver mofada ou malcheirosa

O Banco Central acaba de editar uma circular que endurece o combate à lavagem de dinheiro. Agora, os bancos devem comunicar ao o Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) quando receber depósitos bancários feitos com “cédulas úmidas, malcheirosas, mofadas” ou “empacotadas em maços desorganizados”.

FONTE:Nota  COLUNA RADAR/ SITE VEJA – Por Lauro Jardim