Viralatas, o filme. Auauau. Estão pedindo uma força, e se você puder…auauauauau

 FONTE: ASSESSORIA DE IMPRENSA

dog com coraçãoDocumentário do filme “Vira-latas os verdadeiros cães de raça” corre o risco de não passar nos cinemas

Projeto Vira Lata precisa da sua ajuda em ação social colaborativa

Há sete anos, Tiago Ferigoli, teve uma ideia. Fotografar cães abandonados na cidade e mostrar para a população o que acontecia com os pets. O projeto nasceu não somente para mostrar os cães sem raça definida, como os chamamos popularmente como vira-lata, mas para mostrar que qualquer cachorro abandonado é um vira lata indiferente da sua raça. Pois ele foi esquecido e maltratado na rua.dog animado chorando de rir

O idealizador do projeto não esperava ir tão longe. Com o site criado e um livro lançado pela Editora Ediouro, Thiago alçou voos mais altos. Buscou patrocínio para fazer o filme, contou com a ajuda de vários artistas tanto nas campanhas quanto nos depoimentos.

A produção do longa-metragem mostra questões relacionadas a responsabilidade social, educação e empreendedorismo. E para colocar o filme nos cinemas Ferigoli resolveu aderir ao crowdfunding. Cada vez mais, filmes independentes recorrem a esse sistema para chegar às telonas.

Hoje o cinema independente sofre com a falta de verba para produzir e comercializar o produto. Para não perder o que já está pronto, Tiago, faz um apelo à população “quando iniciei o projeto Vira-Latas, não tinha noção do corpo e forma que ele iria tomar e o número de pessoas que iríamos atingir, foi algo grandioso, e a cada nova ação, nós aumentamos nosso alcance. Nossa grande meta para esse ano é colocar o documentário do Vira-Latas nos cinemas e não é só uma meta, mas é uma obrigação, pois o prazo que a Ancine estipulou se encerra no dia 25 de dezembro desse ano. Isso significa que se não conseguirmos arrecadar a quantia necessária, toda a energia direcionada com a produção do documentário e também as pessoas que iríamos atingir com ele, será perdido.”

Já foram arrecadados mais de R$ 6 mil reais, infelizmente esse valor ainda é baixo. O projeto precisa arrecadar mais de R$ 200 mil para preparação e fechamento do material, divulgação e comercialização, custos de exibição, distribuição e assessoria de imprensa, custos administrativos e impostos.

Para quem ajudar a causa, Tiago disponibiliza alguns benefícios que vão desde o seu nome nos créditos finais até ingressos, livros, camisetas e ecobags. Varia muito do valor doado. Por isso confira no site e ajude o Projeto Vira Lata

Sobre projeto  Vira-Latas:dog10

Idealizador: Tiago Ferigoli Conheça o projeto http://vira-latas.com Registro do filme na ANCINE 2009 01580.028772/2009-31 | CPB. 11015211 | CRT. 593357–01010072157620110