Sobre os escorpiões que andam no Congresso… Passam bem depois de picar certas pessoas?

A Câmara dos Deputados encontrou mais de uma centena de escorpiões em suas dependências, nos últimos dias. Apesar de perigosos, eles não podem ser eliminados para que a Zoonoses identifique a espécie e faça as anotações estatísticas, como manda a lei. Os brigadistas explicam que, com o retorno das chuvas, os bichos peçonhentos buscam alimento (baratas) e também o calor na Câmara.
Apesar do alerta, não há registro de deputado picado por escorpião, à exceção de Heráclito Fortes (PSB-PI), em um restaurante de Brasília.
Um assessor parlamentar ficou muito nervoso quando um escorpião caiu sobre o seu paletó dentro de um dos elevadores do Anexo 4.
Servidores reclamam que, apesar da infestação, não existe previsão para dedetização. “Estão esperando morrer alguém”, reclamam.
Os relatos são de invasão geral: escorpiões têm sido encontrados em corredores, banheiros, gabinetes… Mas eles parecem evitar o plenário.

Prepare-se para pagar o governo fora do governo. Vejam essa. Ética pública?

FONTE: COLUNA CLAUDIO HUMBERTO – DIÁRIO DO PODER

queimando dinheiro.2gif

Plano secreto do Planalto, ao qual esta coluna teve acesso, prevê uma manobra que obrigaria os cofres públicos a bancar o “governo paralelo” anunciado por Dilma após seu afastamento. A ideia é nomear ainda no governo atual, antes do dia 11 (data de votação do impeachment), os membros do futuro “governo paralelo”. Ao serem demitidos pelo novo governo, pedirão o “direito a quarentena remunerada” por 4 meses.
A Comissão de Ética Pública da Presidência da República teria papel essencial para fazer os cofres públicos bancarem o “governo paralelo”.

 mao apontando direitaQuarentena remunerada

O esquema prevê aprovação da “quarentena” pela Comissão de Ética Pública, alegando “inviabilidade” de os demitidos obterem empregos.

 mao apontando direitaSuficientes

Quatro meses de “quarentena remunerada” serão suficientes para bancar o “governo paralelo”, avalia a cúpula do PT no Planalto.

Suspeito de corrupção no governo, ex-ministro Antonio Palocci obteve “quarentena remunerada” avalizada pela Comissão de Ética Pública.

 

 

“Original” esse Meirelles

Amigos de Henrique Meirelles contam que o ex-presidente do Banco Central não topa assumir o Ministério da Fazenda, caso Lula o convide. Dirá sentir-se honrado, coisa e tal, mas “não”.

Uma questão de números. Ela precisa de 171. E pode não ter nem 150

 animation-counter-gif-love-numbers-Favim_com-292566Que vergonha

Um dado preocupa o Palácio do Planalto. Levantamento do governo mostra que, com o aumento da pressão popular, Dilma pode não ter nem mesmo 150 votos para derrubar o impeachment. E precisa de 171.

FONTE: COLUNA CLÁUDIO HUMBERTO

Queda do avião de Roger Agnelli. Essa tese tem alguma lógica…A investigar

 AVIÕES

Experientes pilotos afirmam que o excesso de peso pode ter derrubado o monomotor do empresário Roger Agnelli. Sete pessoas, quatro homens e três mulheres, a caminho de um casamento, e suas malas, tornaram o peso insuportável para o aviãozinho de fibra carbono.

fonte: coluna Claudio Humberto – diário do poder

Comportamento de Dilma. Devemos nos preocupar também? Veja esses detalhes

FONTE: COLUNA CLÁUDIO HUMBERTO – DIÁRIO DO PODER

Auxiliares de Dilma estão preocupados com seu comportamento. Ela continua gritando com assessores e submetendo-os a humilhações, mas algo se agravou: o antigo problema de “falta de foco”. Durante as reuniões, inclusive na discussão de soluções para a grave crise, ela se mostra cada vez mais dispersiva. Em vez de concentrar-se no principal, ela perde a paciência e até as estribeiras em detalhes irrelevantes.

 great-animated-gif-004

Em recente discussão sobre cargos no governo, Dilma “alucinou” com o ruído do ar condicionado, imperceptível para os demais presentes.

Certa vez, ignorou um texto importante, apresentado por um ministro, gritando contra a qualidade superior do papel usado para imprimi-lo.

Em reuniões, Dilma perde tempo reclamando da cor da gravata de um assessor, transcrevendo de próprio punho receitas de pratos de dieta.Vontade de chutar o traseiro gordo-magro do ditador do Irã

Fatos sobre a alma viva mais honesta que há nesse mundo, quiçá no Universo.

Desde a primeira fase da Lava Jato, os investigadores acumulam motivos para promover a visita do “japonês da Federal” ao ex-presidente Lula, deixando de considerá-lo apenas “testemunha” ou “informante”. A primeira citação a Lula no esquema, já em 2014, foi de Ricardo Pessoa (UTC), chefe do cartel de empreiteiras, que disse ter dado R$2,5 milhões roubados da Petrobras à sua campanha de 2006.

Em seus primeiros depoimentos, o doleiro Alberto Youssef, estopim do escândalo do Petrolão disse que Lula “sabia de tudo”.
A revelação mais recente é de Nestor Cerveró: Lula foi bancado com R$50 milhões desviados de contratos da Petrobras em Angola.
Fernando Baiano, o operador do PMDB, contou que foi Lula quem mantinha Cerveró no cargo. E depois o indicou à BR Distribuidora.
Amigão de Lula, José Carlos Bumlai articulou um contrato para o Grupo Schahin na Petrobras, com objetivo de pagar um empréstimo ao PT.