Li essa nota e lembrei da antiga expressão “dar bom dia a cavalo” …Do Lauro Jardim, no Radar

bomdia garfieldO juiz que não dá bom dia

Novo indicado

Os futuros colegas de CNJ do juiz federal Saulo José Casali, da Bahia, podem ir se preparando: ele é conhecido no meio da magistratura por não cumprimentar ninguém.

A única pessoa para quem ele dá bom dia ou boa noite é Eliana Calmon, que foi quem articulou sua indicação para o CNJ.

Por Lauro Jardim

O fogão da meretíssima. Eliana Calmon cozinha sem glúten

O fogão da Meritíssima

A luta de Eliana Calmon, ministra do Superior Tribunal de Justiça e presidente do Conselho Nacional de Justiça, não se dirige apenas contra irregularidades eventualmente cometidas por magistrados: é também contra o glúten. Informa o boletim oficial do STJ, preparado pela Coordenadoria de Editoria e Imprensa, que saiu a nona edição do livro culinário Receitas Especiais, de autoria da ministra. Diz o boletim oficial: “Nova edição de Receitas Especiais, livro culinário de Eliana Calmon, traz receitas sem glúten”.

“Saiu a 9ª edição do livro da ministra do Superior Tribunal de Justiça Eliana Calmon – Receitas Especiais – REsp. Em dez anos, a nona edição do REsp, 367 páginas, traz novas receitas, novas dicas e uma novidade: receitas sem glúten. O livro pode ser encontrado no gabinete da ministra pelo preço de R$ 30. Os valores arrecadados vão para a Creche Vovó Zoraide, em Uberaba (MG).”

FONTE: COLUNA CARLOS BRICKMANN