Zé Eduardo, carta fora do baralho no STF. Bye,bye…

O presidente do Senado, Renan Calheiros, fez chegar a Dilma que dificilmente o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, seria aprovado para a vaga de Joaquim Barbosa no Supremo Tribunal Federal.
( nota da Coluna de Claudio Humberto – Diário do Poder)
Nós não poderíamos deixar de prestar uma homenagem: