Atenção, todos! Tem estupradores e assassinos tentando se livrar de condenação. Atenção! Mulheres e homens de bem precisam dizer CHEGA!

insane-Favim_com-298239Movimento feminista na PB faz campanha por justiça para as mulheres de Queimadas

!110641273_809633085724564_4132502476354250056_n

O movimento feminista e de mulheres da Paraíba lançou nesta semana a campanha “#Somos todas e todos mulheres de Queimadas” nas redes sociais em solidariedade às mulheres de Queimadas, cidade onde Isabela Pajuçara e Michelle Domingues foram brutalmente assassinadas após serem vítimas de um estupro coletivo.

A campanha, que está sendo veiculada nesta semana, entre 22 a 26 de Setembro, evidencia a necessidade de punição de Eduardo Santos Pereira, acusado de ser o mentor e executor do crime de ocorrido na cidade de Queimadas, Paraíba. Eduardo será submetido ao Júri Popular nesta quinta-feira, 25 de setembro, no Fórum Criminal da Comarca de João Pessoa, para responder pelo crime cometido.

Na manhã do dia 25, o movimento feminista e de mulheres do estado realiza um ato público exigindo a condenação do réu e justiça para as mulheres violentadas e mortas durante a festa de aniversário do irmão de Eduardo. A partir das 9h, haverá a concentração para a realização de uma caminhada que sairá da Praça dos Três Poderes, no centro de João Pessoa em direção ao Fórum Criminal da capital.

O movimento convoca a todos e todas a chamar a atenção da população, compartilhando a campanha #SomosTodaseTodosMulheresdeQueimadas, com material gráfico disponível nas páginas de diversas articulações de mulheres como a Rede de Mulheres em Articulação da Paraíba. Ou então, tirar foto com um cartaz com as hastags #somostodasetodosmulheresdequeimadas e #justiçaparaasmulheresdequeimadas

Para entender caso – de acordo com a Polícia Civil e denúncia feita pelo Ministério Público da Paraíba, dez homens estupraram cinco mulheres durante a festa de aniversário de Luciano dos Santos Pereira, irmão de Eduardo dos Santos Pereira. Segundo informações contidas no processo, as mulheres foram oferecidas como “presente” para o aniversariante. A professora Isabela Pajuçara Frazão Monteiro, 27, e a recepcionista Michelle Domingues da Silva, 29, foram assassinadas por terem reconhecido os agressores. Os outros co-autores do crime já foram julgados em 2012. Seis homens foram condenados pelos crimes de cárcere privado, formação de quadrilha e estupro. Três adolescentes cumprem medidas socioeducativas.

FONTE: http://cunhanfeminista.org.br/movimento-feminista-na-pb-faz-campanha-por-justica-para-as-mulheres-de-queimadas

Só na minha Paraíba querida mesmo. Enterro da galinha Rafinha reune mais de mil…

Enterro de galinha de estimação mobiliza moradores de cidade na PB

Galinha foi roubada e ladrão confessou que ela serviu para alimentação.
Dona revela que animal dormia em berço com ventilador.

 fonte: Do G1 PB

//
 

Uma galinha foi roubada e sua dona fez seu enterro simbólico na quarta-feira (29) na cidade de Patos, no Sertão da Paraíba. A história pode até parecer engraçada, mas definitivamente não é para a aposentada Genecira Maria, dona da galinha. O enterro, apesar de simbólico, mobilizou quase mil pessoas na cidade e até o prefeito acompanhou o velório e o cortejo da casa da dona da galinha até o cemitério público de Patos.

A galinha de nome Rafinha era criada pela aposentada e pela filha dela há cinco anos até que no dia 20 deste mês a casa foi invadida e o animal foi roubado. O caso ficou conhecido em todo o estado da Paraíba porque a dona da galinha passou mal, precisou ser socorrida e levada para um hospital por causa da perda. Ela chegou a oferecer recompensa para quem desse notícias do bicho.

Uma semana após o roubo, a polícia prendeu o suspeito de ter roubado o animal e ele confessou que havia trocado a galinha por duas pedras de crack. Segundo ele, a pessoa que ficou com Rafinha disse que a mataria para se alimentar. A notícia foi dada a Genecira Maria e ela perdeu as esperanças de encontrar o bicho de estimação.

“A gente a criava com muita animação desde pequenininha, conversando com ela como se fosse uma pessoa”, disse. A galinha era tão bem cuidada que tinha até veterinário particular, além de outros cuidados bem especiais em casa. “Só tomava banho com sabonete de coco, dormia em berço, de mosquiteiro e com ventilador porque ela tinha alergia a mosquitos”, contou emocionada a dona.

Como não era mais possível localizar o animal, populares, solidários à comoção da aposentada, organizaram um enterro simbólico de Rafinha que mobilizou quase mil pessoas. Tudo foi organizado como em um velóro de verdade com direito a caixão, véu e grinalda.

Um bicho de pelúcia foi colocado no caixão e o cortejo seguiu até o cemitério da cidade, mas na verdade ninguém foi enterrado, a não ser os sentimentos da aposentada Genecira. “Me sinto muito triste, muito muito muito mesmo! Não é brincadeira. Só sabe o que eu estou passando quem tem um bichinho de estimação”, relatou.

Deus, não deixe jamais que isso aconteça! Preservai Tambaba, a mais bela das praias naturistas!

Não, por favor,não permitam que isso aconteça nesse verdadeiro pedaço de céu, recanto de paraíso, minha referência – mesmo que tão distante – em momentos quentes. Tenho um cantinho lá –  meu espírito livre tem –  perto de uma pedra, em um cantinho.

 

Veja umas fotecas ( não comprometedoras)

Praia de nudismo pode virar resort e

 cria polêmica entre naturistas e prefeitura

Valéria Sinésio
Especial para o UOL Notícias
Em João Pessoa (PB)

  • Naturistas passeiam pelas areias da praia de Tambaba (PB), que pode ser transformada em resort Naturistas passeiam pelas areias da praia de Tambaba (PB), que pode ser transformada em resort
  • 

A praia de Tambaba, localizada no litoral sul da Paraíba, vive mais uma entre as tantas polêmicas que já viveu nos últimos 20 anos, desde que foi criada, em 1991. A Sociedade Naturista Amigos de Tambaba (Sonata) está denunciando a pretensão da prefeitura do Conde de querer ceder parte da área naturista a empresários estrangeiros que, segundo a Sonata, ergueriam ali um resort de padrão internacional.

O temor de ameaça à prática naturista levou os adeptos a rapidamente se mobilizarem para elaborar um abaixo-assinado pedindo à prefeitura a criação de uma Área Especial de Interesse Turístico (AEIT).

Onde estão as praias de nudismo do Brasil

  • O objetivo do pedido é um só: garantir que, mesmo que o resort seja construído no local, a prática do naturismo não sofra nenhuma forma de intervenção e que seus adeptos possam continuar a frequentando “numa boa”.

O presidente da Sonata, Daniel Santos, disse ao UOL Notícias que mais de 3.000 pessoas já assinaram o documento, a ser entregue até o final de março à Secretaria de Turismo do Conde, município onde está localizada a praia.

“Nossa intenção é preservar a filosofia naturista e os hábitos de quem é adepto da sua prática”, disse Santos. “Essa não é a primeira vez que nós, naturistas de Tambaba, nos sentimos ameaçados, não podemos ser prejudicados por interesses particulares.”

A atividade turística em Tambaba é forte. Nos fins de semana cerca de 3.000 visitantes tiram as roupas e circulam pela faixa de areia reservada aos nudistas. Nos feriados, o número dobra. Em cada grupo de dez visitantes, nove chegam de outros Estados e países.

A praia é dividida em duas partes: uma aberta ao público em geral e outra aberta somente a naturistas. As duas são divididas por uma escada de acesso. Os governos do município do Conde e do Estado da Paraíba garantem a segurança dos turistas.

Outro lado

O secretário de Turismo do Conde, Saulo Barreto, admitiu à reportagem do UOL Notícias a possibilidade de construção de resorts em Tambaba, mas garantiu que a prática do naturismo não será prejudicada.

“A área é intocável, trata-se de um importante destino turístico no Estado”, afirmou Barreto. Segundo ele, a construção do resort se daria em cima da falésia e em nada afetaria a ‘liberdade’ dos adeptos do naturismo. “Há muitos grupos estrangeiros interessados em construir resorts na área, mas ainda estamos na fase apenas de planejamento.”

Onde fica

Tambaba está localizada no município do Conde, 40 quilômetros ao sul de João Pessoa (PB). Para chegar à praia de Tambaba de carro é preciso fazer o acesso pela BR-101 ou pela PB-008, em direção ao município do Conde. Ambos os caminhos são bem sinalizados com placas indicativas. Após passar em Jacumã, outro destino turístico da Paraíba, chega-se ao Conde.

http://noticias.uol.com.br/cotidiano/2011/03/23/praia-de-nudismo-pode-virar-resort-e-cria-polemica-entre-naturistas-e-prefeitura.jhtm