HISTÓRIA BONITA DE HOJE: MENINO DE DOIS ANOS SE PERDE E É PROTEGIDO POR SEUS CÃES DURANTE TODA A NOITE EM UM CAMPO DE SOJA. DO G1.

cowboy_024Criança de dois anos se perde e é protegida por cães de estimação

Menino se perdeu por volta das 20h desta sexta (22) no Oeste de SC.
Bombeiros encontraram o garoto por volta das 7h45 deste sábado (23).

FONTE: G1 – Géssica Valentini Do G1 SC
 Menino de dois anos se perdeu às 20h de sexta (22) e foi encontrado por volta das 7h45 deste sábado (23) (Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação)Menino de dois anos se perdeu às 20h de sexta (22) e foi encontrado por volta das 7h45 deste sábado (23) (Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação)

Uma criança de dois anos que estava desaparecida no Oeste de Santa Catarina foi encontrada por volta das 7h45 da manhã deste sábado (23). De acordo com o Corpo de Bombeiros, o menino de dois anos desapareceu por volta das 20h de sexta-feira (22), próximo a uma plantação de soja da cidade de Pinheiro Preto, onde morava. Conforme o bombeiro Fumagalli, que auxiliou no resgate, o menino estava de bermuda, sem camisa, com alguns arranhões e na companhia de dois cachorros.

Segundo Fumagalli, a criança estava brincando próximo à casa quando familiares da criança notaram a ausência. “Possivelmente o menino queria ir até a casa da tia, trajeto que costumava fazer. Porém, as casas são semelhantes e no meio há essa lavoura, então ele se perdeu e foi até uma casa fechada, depois deve ter pegado no sono. Os cachorros Lili e Fred estavam com ele e ajudaram a aquecê-lo durante a noite”, por isso ele não se desesperou”, contou o bombeiro.

Cerca de 30 bombeiros, além de cães farejadores, participaram do resgate (Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação)Cerca de 30 bombeiros, além de cães farejadores,
participaram do resgate
(Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação)

De acordo com o tenente Fazzioni, a noite foi de temperaturas amenas na região e é possível, inclusive, que os cachorros tenham ajudado a protegê-lo do frio. “Nós estávamos de manga comprida, de casaco, e ele estava só de bermuda e ainda dizendo que estava bem”, comentou o tenente.

Ainda segundo Fazzioni, antes de sumir o menino derrubou o aparelho de TV em casa. “É possível que ele tenha fugido com medo de uma represália, mas quando ele foi encontrado só dizia que tinha fugido pra ir até a casa da tia. Ele até comentava que sabia que ela não estava em casa porque estava procurando ele”, relatou o bombeiro.

A criança foi encontrada já acordada, procurando o caminho de casa. “A soldado Luciane chamou ele e brincou: o que você está fazendo aí, guri? Você devia estar em casa tomando café! Depois pegou ele no colo e já comemoramos”, disse Fazzioni.

“Vimos a cabeça dele e chamamos pelo nome. Inicialmente ele se escondeu, assustado, aí continuamos chamando até ele aparecer. Quando perguntamos onde ele estava e se não tinha ouvido ninguém chamar por ele, respondeu: ‘Dormi perto de um buraco. Fui até a casa da tia, mas ela não estava, tinha saído para me procurar, daí eu tive que dormir fora’. Fizemos algumas brincadeiras e logo ele estava faceiro”, contou Fumagalli.

Cerca de 30 bombeiros de Joaçaba, Videira, Curitibanos e Tangará participaram da Operação. A equipe de cães farejadores de Xanxerê e Curitibanos também auxiliaram no resgate.