ARTIGO – Mulheres, avante! Que a Força esteja com vocês, com todas nós. Por Marli Gonçalves

É visível, está diferente, mais forte, libertário, perceptível e especialmente até a quem ainda ousa tentar negar a força represada das mulheres e que tem vindo à tona em todos os setores da sociedade. Os ataques, entretanto, também estão mais violentos e precisam ser denunciados dia e noite. Nesse momento complicado, mundial e nacional, serão as mulheres que farão a diferença. Pode acreditar.

Resultado de imagem para WOMAN ANIMATED GIFS

Nós, mulheres, com o tempo – histórico, mas lento, muito lento – aprendemos a ser mais corajosas diante de tantas coisas que cotidianamente temos de enfrentar. Logo se tornará atávico, transmitido para as novas gerações – homens e mulheres – que já demonstram a compreensão de seu papel, da importância desse tema. Onde quer que estejamos ainda temos que nos impor mais, observar mais, buscarmos ser respeitadas, demonstrar coragem para reagirmos ou, ainda, até para sairmos incólumes (e até vivas) de algumas lutas desleais. Todo dia. Toda hora. Em qualquer lugar. Dentro e fora de casa.

Liberdade para os mamilos censurados até em fotos quando deles brota o leite que amamenta bebês. Vidas recuperadas de histórias pouco conhecidas que marcaram esse avanço premiadas em escolas de samba e blocos que esse ano trouxeram às avenidas e ruas carnavalescas muitos retratos desse avanço, contra o assédio e os abusos. Há uma geração chegando pronta que precisa ser respeitada, e ela vem poderosa, orgulhosa, cheia de si, destemida, em campo aberto.

Essa é a realidade que molda esse novo tempo. E esse avanço não vai parar. Mas a cada vez que essa força se torna mais clara, resoluta, visível, e isso ocorre de tempos em tempos, também cresce a adversidade, e é incrível e incompreensível que entre esses adversários ainda encontramos algumas … mulheres.

Exemplos diários, demonstrados com força nesses últimos dias com os ataques que mulheres jornalistas têm sofrido por terem feito revelações fundamentais para o cenário político nacional. Suas vidas pessoais devassadas, seus filhos ameaçados, referências estéticas e sexuais torpes, ao invés de argumentos – até porque eles não os tem, sempre obrigados a contrapor com mentiras e mais mentiras, e essas são desmascaradas muito rapidamente. Estamos sendo governados por um presidente que desrespeita as mulheres diariamente e a inteligência de todos, com termos chulos, descontrolados, que espalha entre seus correligionários teleguiados por robôs e por seus filhos moleques e malcriados, descontrolados. Esse comportamento não pode, não deve, não vai prosperar.

Não é uma guerra de sexos o tema de que tratamos. O quanto antes precisamos recolocar as coisas em seus lugares, discutir a humanidade, o comportamento de toda a sociedade com liberdade e ênfase, combater essa loucura que se espalha e coloca o país no topo dos países onde mais se matam mulheres apenas por serem mulheres. O feminicídio alcança níveis brutais, e os índices demonstram crescimento alarmante e com reações ainda fracas, como se não fosse assunto para todos. 1310 mulheres foram vítimas de violência doméstica ou por sua condição de gênero, em 2019. Em 2018, foram 1222, assassinadas. Em média, e apenas contando dados oficiais certamente incompletos e defasados, três a quatro mulheres são mortas a cada dia no Brasil, na maioria dos casos por companheiros e ex-companheiros, pessoas de seu convívio.

Se faz necessária a cada dia uma reflexão mais profunda sobre o tema, que se expande agora dia 8 de março, Dia Internacional da Mulher, instituído pela ONU em 1975. Mas falar sério, não só entre convertidos, o que ainda parece ser hábito.

Não apenas lamentando ocorridos, mas buscando se antecipar a eles, criando redes de proteção, sanções mais vigorosas, e especialmente apoio entre todos. Rechaçando dia e noite ataques vindos de quem for, nas ruas junto à sociedade civil, buscando espaços para alardear fatos e feitos femininos, consolidando as vitórias e a coragem necessária para buscar e consolidar os direitos pelos quais tantas mulheres se sacrificam diariamente.

Como costumo dizer, isso é feminismo. Simples de ser compreendido e respeitado. É pedir muito?

__________________________________________

MARLI GONÇALVES – Jornalista, consultora de comunicação, editora do Chumbo Gordo, autora de Feminismo no Cotidiano – Bom para mulheres. E para homens também, pela Editora Contexto. À venda nas livrarias e online, pela Editora e pela Amazon.

marligo@uol.com.br / marli@brickmann.com.br

_____________________________________________________________________

ME ENCONTRE, ME SIGA, JUNTOS SOMOS MAIS
 (se republicar, por favor, se possível, mantenha esses links):
YouTube: https://www.youtube.com/c/MarliGon%C3%A7alvesjornalista
(marligoncalvesjornalista – o ç deixa o link assim)
Instagram: https://www.instagram.com/marligo/
Blog Marli Gonçalves: www.marligo.wordpress.com
Chumbo Gordo (site): www.chumbogordo.com.br
No Facebook: https://www.facebook.com/marli.goncalves
No Twitter: https://twitter.com/MarliGo

#ADEHOJE – MILICINHAS DA FAMÍLIA BOLSONARO

#ADEHOJE – MILICINHAS DA FAMÍLIA BOLSONARO

 

SÓ UM MINUTO – Apavorantes as revelações que vêm sendo feitas pelas investigações do Ministério Público do Rio de Janeiro em cima do gabinete do hoje senador Flávio Bolsonaro, mas que era vereador na Capital carioca. Queiróz em ação, milicianos, da pesada, do mal, rachadinhas, que são digamos divisões salariais: te dão o emprego, você recebe e devolve…O presidente diz que não tem nada a ver com isso, mesmo até com a ex-mulher envolvida. É coisa de muito dinheiro sendo lavado, e vamos ver no que dá.

Tristeza: morreu o artista pernambucano Francisco Brennand, aos 92 anos. Festejado em todo o mundo, era bom polemista com sua sobras fálicas.

Sacudida: Trump teve seu impeachment voado ontem no Congresso. Agora segue pro Senado, mas lá os republicanos vão dar um jeito de sumir com o processo. De qualquer forma, já mostra pro mundo o caminho que gente como ele deve tomar: rua! Mas é capaz de voltara ser eleito, porque lá, como aqui, o mundo se divide ainda burramente em duas laranjas.

#ADEHOJE – QUEM É O ENERGÚMENO, IGNORANTE SENHOR PRESIDENTE?

#ADEHOJE – QUEM É O ENERGÚMENO, IGNORANTE SENHOR PRESIDENTE?

 

SÓ UM MINUTO – Há muitos anos – quando fiz alfabetização como voluntária, inclusive onde hoje seria definitivamente instalada essa loucura que é a favela Paraisópolis – tive condição de comprovar que o método criado por Paulo Freire para alfabetização era simplesmente mágico. Em uma semana já era possível ver adultos, todas as cidades, péssimas condições sociais, sabendo soletrar, juntar sílabas, formar palavras, sorrir de novo com orgulho. Só um testemunho. O trabalho de Paulo Freire, reconhecido em todo o mundo, assim como o de outro fundamental educador, Anísio Teixeira, é coisa para ser respeitada. Como assim, covarde, ousar xingar de energúmeno Paulo Freire? Que, morto desde 1997, não pode se defender. Mas tem milhões de pessoas que farão isso, assim como eu agora.

Estamos sendo desgovernados por um ignorante que não respeita nada nem ninguém, e nos constrange diariamente com suas opiniões obtusas e atos abusados. Claro, sandices que fala para aquelas pessoas que acham que verde e amarelo é marrom e que o esperam saltitantes para colher essas pérolas que cospe sem parar.

#ADEHOJE – TIRAR DIREITOS OU XINGAR, AS SOLUÇÕES QUE ESCOLHEM

#ADEHOJE – TIRAR DIREITOS OU XINGAR, AS SOLUÇÕES QUE ESCOLHEM

 

SÓ UM MINUTO – O pensamento torto do atual governo se manifesta dia a dia. Agora Bolsonaro diz que é preferível ter menos direitos e mais empregos, especialmente par aos jovens e mais velhos. Opa! Ele não quer resolver o problema. Quer ajudar mais uma vez quem é mais rico e fazer de conta que está apoiando quem mais precisa. Assim vem sendo com as reformas, entre elas a da Previdência, ok, necessária, mas que está prejudicando os trabalhadores e, especialmente as mulheres. São dessa forma as soluções que esses governos – não é só esse não – propõem

Como é um governo cercado, todos trabalham assim. Na incompetência de conseguir agir contra o óleo que tinge de negro nossas praias e ecossistemas, o bonitinho Ricardo Salles ousou acusar o Greenpeace de ter jogado o óleo. Ainda chamou de “greenpixe” a organização mais importante do mundo na defesa do meio ambiente, Só por isso já devera ter sido demitido e levado a um tribunal internacional. Mas não, vamos continuar ouvindo aquela voz dizendo nada, e o ar de descerebrado.

Preocupada com a gente e com nossa vizinhança: eleições na Argentina e Uruguai. Bolívia em polvorosa. Chile pegando fogo. Equador…Venezuela… Mercosul se desintegrando

Resultado de imagem para RICARDO SALLES COM BOLSONARO

#ADEHOJE – COMO MANTER A MENTE QUIETA, A ESPINHA ERETA E O CORAÇÃO TRANQUILO?

#ADEHOJE –

COMO MANTER A MENTE QUIETA, A ESPINHA ERETA E O CORAÇÃO TRANQUILO?

SÓ UM MINUTO – A mente quieta, A espinha ereta. E o coração tranquilo…A frase imortal da canção de Walter Franco que nos deixou hoje, aos 74 anos, e que tanto nos inspira há tanto tempo está cada dia mais difícil de ser seguida.

Como? Com o óleo que a cada dia se espalha pelas nossas praias, mangues, infesta os corais? E com um ministro que ousa chamar o Greenpeace de ecoterroristas? Com essa gente que ousa acusar o derramamento como coisa da “esquerda”? Que quem protesta é preso, e não se sabe como será punido quem sujou o mar?

Com um maluco de um presidente que nos envergonha diante do mundo com aqueles seus olhos secos, arregalados e sem piscar? Com esses filhos zero zero zero que não cansam de nos surpreender? Eles e a turma que arrastam atrás de si.

Isso sem falar nessa reforma na previdência que atinge diretamente as mulheres, nas ideias de cortes sociais de Paulo Guedes. Tantas outras coisas que precisam de muito mais de um minuto, muito mais …

Imagem relacionada

#ADEHOJE, #ADODIA – MENOS CONFUSÃO, MAIS AÇÃO, POR FAVOR!

#ADEHOJE, #ADODIA – MENOS CONFUSÃO, MAIS AÇÃO, POR FAVOR!

SÓ UM MINUTO – A gente precisando tanto de um país em movimento, seguro, e as coisas parecem sempre tão confusas. Falações desenfreadas, desencavadas de verdades sobre os ministros depois de indicados. Resistências de todas as partes, inclusive militares, às mudanças na Previdência. O presidente que cala e deixa seguir. No Ceará continuam as chamas e tentativas de explodir coisas. Agora foi um viaduto! Por onde passa o Metrô e o VLT. Ah, João de Deus e a esposa indiciados por posse de armas e ele, por mais um caso de assédio sexual

#ADEHOJE, #ADODIA – O PLANETA GRITA POR ATENÇÃO. TRISTEZA NA INDONÉSIA.

#ADEHOJE, #ADODIA – O PLANETA GRITA POR ATENÇÃO. TRISTEZA NA INDONÉSIA. E O NATAL, AH, O NATAL!

 

 

Está ouvindo? O planeta grita por atenção. O calor insuportável, o frio cortante. As chuvas torrenciais, vulcões eclodem. Terremotos, maremotos, centenas de mortos, desaparecidos na Indonésia, sem que ao menos tenham sido alertados por qualquer alarme antes do maremoto devastador que houve por lá – e ainda há perigo de que outros venham. Os governos não se preparam, todos continuam pouco se importando com o clima, com os ataques à natureza. O que podemos fazer de melhor? É um pensamento para esse Natal. Entre outros que precisaremos ter, positivos, para que tudo não desande de vez.